7 ferramentas online de proteção contra a homofobia e apoio aos LGBTs

Iniciativas que visam o apoio e a valorização do público LGBT, canais de denúncia de preconceito com mapeamento, aplicativos de ajuda para vítimas e de conscientização para a questão da identidade de gênero.

1 . Mona Migs – Rede de acolhimento à vítimas de homofobia expulsas de casa

A plataforma veio para ajudar alguma pessoas que foram expulsas do seu lar devido ao preconceito, a ideia é reunir de um lado quem de alguma forma perdeu a moradia e o apoio da família por ser LGBT e de outro lado captar uma rede de pessoas dispostas a ajudar oferecendo um lar acolhido e fraterno a essas pessoas vítimas de homofobia seja pela orientação sexual ou pela identidade de gênero.  A Mona Migs também pretende direcionar os acolhidos para centros de apoio à comunidade LGBT para que a readaptação seja feita com acompanhamento profissional qualificado e completo.

Para o projeto acontecer foi necessário o apoio de muitas pessoas, onde através do financiamento coletivo foi possível atingir a meta e ter condições de realizar o desejo de um grupo de pessoas cheias de vontade de ajudar. Confira abaixo o vídeo que contém relatos emocionantes e reais de vítimas de homofobia que é o retrato de milhares de casos semelhantes espalhados pelo mundo afora e detalhes de como fazer uso da plataforma:

Acessar

 

2 . TODXS – Informações e canal de denúncias online

A plataforma permite empoderar as pessoas reunindo informações para consulta sobre direitos e leis específicas à comunidade LGBT, consultar localizações de organizações representativas ou de apoio e realizar denúncias sobre agressões sofridas. O projeto é feito por um grupo de pessoas bastante motivada e disposta a prestar suporte dando apoio e incentivo à comunidade realizando eventos, ações e iniciativas de empoderamento. A Todxs se intitula a primeira startup brasileira sem fins lucrativos que promove a inclusão GLBT+ e por isso possui algumas iniciativas louváveis como a Todxs Conecta, com eventos que mostram pessoas da comunidade que estão transformando o mundo com liderança e capacidade nos mais diversos segmentos e espaços.

 

Veja o vídeo da plataforma:

Acessar

 

3. Viajay – Guia com dicas de roteiros e baladas para o público LGBT

O site funciona como um guia virtual para o usuário ter referências e dicas de lugares que podem valer a pena para o público LGBT, evitando problemas e constrangimentos geralmente causados por preconceito. O canal oferece opções de roteiros, dicas de baladas e os mais variados lugares de algumas cidades do Brasil que são conhecidos como Gay friendly, os lugares que possuem ambientes confortáveis para os lgbts, essas são as cidades com guias presentes na plataforma: Salvador, Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza, Florianópolis, São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte e Brasília. Aproveite e desfrute para traçar seus roteiros nos melhores espaços conforme suas viagens! A ferramenta fechou parcerias para oferecer intercâmbios friendly, oferecendo pacotes diferenciados e com preços diferenciados para o site. O canal foi fundado por um jovem inovador que é o mesmo criador de ferramentas bem conhecidas como o Onde Fui Roubado, um grande portal colaborativo onde é possível reunir denúncias e relatos de casos de vítimas de assalto através da geolocalização, estamos falando do baiano Fernando Sandes.

É preciso lembrar que atualmente gigantes como o Google por exemplo já incorporou à sua plataforma do Google Maps um recurso que é capaz de identificar os locais e pontos de cidades mundo afora que são Gay Friendlys, dando maior conforto e segurança aos usuários, criando uma cultura de encontros, relacionamentos e troca de experiências entre as pessoas que fazem parte da comunidade.

Acessar

 

4. Espaço Livre – Aplicativo para traçar o mapa da homofobia no país

A plataforma pode ser baixada no celular e usa o recurso da geolocalização para mapear casos e relatos de homofobia pelo país, ajudando a identificar quais zonas e regiões tem maior presença de algum tipo de violência seja contra gays, trans ou qualquer outro LGBT. Um detalhe a ser observado é que não apenas a vítima de agressão pode relatar o caso, mas qualquer pessoa que tenha presenciado o fato pode denunciar, outro ponto importante é que a plataforma recebe denúncias de agressões selecionando a tipificação da mesma, seja ela física ou psicológica através de agressões verbais e insultos. O diferencial da ferramenta é que não é necessário um cadastro para efetuar a denúncia e ela pode ser feita de forma anônima, garantindo o sigilo e evitando possíveis transtornos com dados de quem denunciou.  Está disponível na plataforma do Android e Windows Mobile.

O mapeamento pode ajudar entidades que apoiam a comunidade como também órgãos e autoridades locais seja para levantar dados sobre esse tipo de violência como para investigar denúncias ou conscientizar as maiores áreas de risco com ocorrências de agressões. Segundo a ONG GGB, o ano de 2016 bateu o recorde de ataques sendo o mais violento desde 1970 contra pessoas LGBT, foram registradas 343 mortes em todo o ano, ou seja, a cada 25 horas um LGBT foi assassinado, fazendo do Brasil um país campeão mundial em crimes contra minorias sexuais.

Baixar no Google Play

 

5. TransEmpregos – Oportunidades de trabalho para transexuais

O canal visa recrutar profissionais e divulgar oportunidades de trabalho oferecidas por empresas parceiras da comunidade LGBT e pelo poder público em programas exclusivos com a iniciativa de fomentar inclusão no mercado de trabalho para esse grupo geralmente excluído de outros setores de mercado fora o de salões de beleza ou comumente ligados a envolvimento com a prostituição, algo errôneo e um dos resultados dessa segregação. A plataforma se caracteriza não apenas como o canal do segmento trans, mas um espaço virtual para identificar pessoas talentosas e capacitadas.

Conforme mostra a reportagem no vídeo acima veiculado pela Rede TVT é possível criar mecanismos de empoderamento, o poder público tem o dever de promover iniciativas de capacitação para pessoas com diversos tipos de opções de segmentos conforme o interesse e a afinidade do profissional, que geralmente se vê sem opção devido ao preconceito invisível da sociedade que se reflete nas empresas com demissões sem justificativa plausível ou na negativa de determinada vaga oferecida.  A matéria mostra que contra essa maré existem grandes empresas e grupos que estão de portas abertas para captar esses profissionais oferecendo não apenas uma vaga, mas um espaço inclusivo, respeitável e acolhedor. É importante que se lute pela igualdade desses profissionais seja nos seus cargos ocupados e na remuneração de salários justos.

Acessar

 

6. Dicionário de Gêneros – Informação e conscientização sobre identidade de gênero

O projeto visa desmistificar e quebrar preconceitos quanto à identidade de gênero, motivo ainda de ignorância e desconhecimento por grande parte da população. O site possui um conteúdo rico de depoimentos em vídeos onde vários tipos de pessoas explicam as suas diferentes identidades de gênero empoderando sobre a grande diversidade que é formada nossa sociedade. É possível com ele identificar qual é a diferença entre sexo, orientação sexual e  gênero. O dicionário também funciona de forma colaborativa onde é possível deixar o relato pessoal em um painel mostrando como você enxerga seu gênero.

 

Confira o vídeo sobre a questão:

Acessar

 

7. Moovz – Rede social para a comunidade LGBT

Uma rede social de relacionamento para o publico LGBT que pode se conectar a pessoas de várias partes do mundo, receber conteúdo dessas pessoas reais que compartilham diariamente algo relacionado às suas vidas. Acessível tanto no computador ou pelo celular através de aplicativo a rede conta com mais de 100 milhões de usuários em vários idiomas, incluindo o português. O aplicativo contém recurso de geolocalização sendo possível encontrar pessoas ao redor de onde estiver no momento. Além da interação com as mais diversas pessoas usuárias da plataforma o Moovz permite uma ampliação da cultura LGBT com conteúdo que seja relevante para esse público, agregando, quebrando preconceitos existentes dentro da própria comunidade ás vezes, trazendo novas descobertas e empoderando como cidadãos livres e conscientes.

Conheça uma das ações da plataforma:

Acessar

*Se deseja informar algum erro, adicionar alguma informação que agregue a este conteúdo ou alertar sobre direito autoral infringido por favor CLIQUE AQUI, agradecemos desde já a contribuição.

    Assuntos relacionados

    comentar:

    Política de comentários:

    Faça o bom uso desse espaço, de forma respeitosa. Comentários anônimos não serão permitidos, ou os que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. A configuração de comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos e etc. serão excluídos pelos moderadores do site sem aviso prévio diante análise interna. Não são permitidos links e propaganda de produtos e serviços.

Menu e Busca