Quer mudar para os EUA? Tire dúvidas sobre imigração com especialistas

Entrevista com advogadas brasileiras especialistas em imigração nos EUA ajudam a mostrar quais os caminhos para entrar de forma legal no país e falam da importância em conhecer os caminhos possíveis para isso.

O sonho de muitos brasileiros de se mudar para os Estados Unidos ás vezes é retardado pela insegurança causada por falta de maiores informações de como entrar no país de forma legal, sem maiores dores de cabeça. Nesse vídeo acima o youtuber Carlinhos Troll do canal Realidade Americana mostra em um de seus vídeos uma entrevista com advogadas e especialistas brasileiras em ajudar no processo de imigração de estrangeiros para o continente americano e avisa que o vídeo foi feito para tirar dúvidas, muitas delas bem requisitadas pelos usuários, que apenas especialistas estão mais aptas a responder. Residente em Orlando, na Flórida, a advogada Marisol Andrade e sua mais nova parceira no escritório, chamada Vanessa, respondem alguns questionamentos mais comuns sobre imigração.

São 3 formas atualmente de se migrar para as terras americanas, a primeira é por relações familiares, a segunda por benefícios humanitários e a terceira por visto de trabalho, negócios ou investimentos, explica Vanessa. E enfatiza que dentro dessas 3 áreas existem vastas possibilidades para se aplicar. Já Marisol aborda que em caso negativo de aplicação nessas 3 áreas o que pode restar aos interessados é conseguir o visto temporário de turista, depois a tentativa de adquirir um visto de estudante e diante disso uma empresa poder aplicar para o visto de trabalho. Outro ponto importante abordado é a mudança da legislação local no caso específico de visto de turista que no processo de mudança para visto de estudante é necessário a cada 6 meses a extensão do visto de turista até que o visto de estudante seja aprovado. A advogada explica que até o momento não enfrentou muitas dificuldades no processo de mudança de visto mas tudo depende também do governo com a criação de novas regras que podem ser impostas, já que o atual presidente Donald Trump tem uma política clara e aberta contra a imigração e citou algumas delas.

A coisa apertou…

Vanessa esclarece que devido a isso, mesmo que as leis dependam do congresso para serem aprovadas existe uma política interna de aplicação dentro delas na imigração e todo o processo tem sido bem mais rigoroso com bastante lentidão  devido a investigação atualmente ser bem mais rigorosa do que antes. Durante a entrevista o youtuber cita um caso bastante inusitado que ouviu falar de um brasileiro que acabou conseguindo o visto depois que foi agredido pela esposa em solo americano, já que há uma proteção a vítimas de crimes cometidos por lá, principalmente contra as mulheres mas que se aplicam a outras pessoas e crianças, por serem vulneráveis.

Para aqueles que possuem passaporte italiano ou alguns dos passaportes europeus existe uma isenção de visto para a entrada nos EUA podendo ficar no máximo por 3 meses no país para turismo. Mas é importante salientar que esse tipo de entrada não pode ser mudado para outro como estudante ou trabalho por exemplo, explica Marisol. O brasileiro que entra com passaporte europeu provando para a entidade que não necessita do visto, após esse prazo de estadia nos EUA tem que retornar ao Brasil e solicitar ao consulado brasileiro um outro status. A advogada conta mais detalhes no vídeo para quem se tipifica nesse caso e é um investidor por exemplo, apresentando o caminho possível. Assista o conteúdo completo e tire mais dúvidas com as especialistas, conte aqui abaixo como foi sua experiência por lá.

*Se deseja informar algum erro, adicionar alguma informação que agregue a este conteúdo ou alertar sobre direito autoral infringido por favor CLIQUE AQUI, agradecemos desde já a contribuição.

    Assuntos relacionados

    comentar:

    Política de comentários:

    Faça o bom uso desse espaço, de forma respeitosa. Comentários anônimos não serão permitidos, ou os que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. A configuração de comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos e etc. serão excluídos pelos moderadores do site sem aviso prévio diante análise interna. Não são permitidos links e propaganda de produtos e serviços.
Menu e Busca